sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Relatividade ou preconceito


Vida dividida entre a verdadeira e a errada


Tenho tanto sentimento
Que é frequente persuadir-me
De que sou sentimental,
Mas reconheco, ao medir-me,
Que tudo isso é pensamento,
Que nao senti afinal.

Temos, todos que vivemos,
Uma vida que é vivida
E outra vida que é pensada,
E a única vida que temos
É essa que é dividida
Entre a verdadeira e a errada.

Qual porém é a verdadeira
E qual errada, ninguém
Nos saberá explicar;
E vivemos de maneira
Que a vida que a gente tem
É a que tem que pensar.

Fernando Pessoa

1 comentário:

  1. E nunca nos cansamos deste Homem. E continuamos a "beber" a sua sensibilidade única, as suas palavras únicas! Palavras que nos ensinam "vida", palavras que nos ensinam sonho.
    Abraço, Amigo.

    ResponderEliminar

Interessante explicação acerca de moral e ética