quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Red Bull Air Race passa do Porto para Lisboa

Nos últimos 3 anos a corrida dos aviões tornou-se um evento emblemático do Porto. Realizado sobre o Douro, arrastou milhares pessoas, uns dizem 3 milhões, para as suas margens concentrados nas ribeiras do lado Gaia e Porto.

Nos próximos três, passará a realizar-se sobre o rio Tejo, entre a Torre de Belém e a Ponte 25 de Abril, segundo acordo assinado pelo Turismo de Lisboa, em representação dos municípios de Lisboa e Oeiras.

No Norte, os sinos quase tocaram a rebate e as reacções não se fizeram esperar:
- Rui Rio, secundado por Luís Filipe Menezes, respectivamente, presidente da Câmara do Porto e de Gaia criticaram a mudança, e convergindo que "qualquer coisa que tem sucesso em algum ponto do país acaba por ir para Lisboa (…) O que está errado é o financiamento público e parapúblico que isto acarreta".

- Rui Moreira e Nuno Camilo, presidentes das Associações Comerciais representativas dos comerciantes e empresários do Porto, lamentaram o sucedido pois o evento era gerador de receitas para as duas cidades.

Teremos de nos questionar:
Será que a Red Bull Air Race World Championship se cansou do Porto?
Ou,
Será birra, uns a quererem o brinquedo dos outros?

2 comentários:

  1. A meu ver quem escolhe o local da corrida é o proponente da red bul,e segundo creio estes preparam-se para acabar com o evento...porque não escolherem eles onde a querem fazer?
    manel jorge

    ResponderEliminar
  2. Ora viva Manel Jorge,
    És capaz de ter razão, quem escolhe o lugar é o proponente. Só espero que não escolham o meu jardim porque eu não deixo, nem contribuo com mais dinheiro do que os outros.

    ResponderEliminar

Interessante explicação acerca de moral e ética