segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Crise para alguns!

Assim vai a redistribuição da riqueza, da contribuição e do esforço para combater a crise!

"Sucedem-se as notícias sobre os efeitos da crise em 2010. Uma delas diz que os quatro maiores bancos conseguiram manter o patamar de lucros: os mesmo 1400 milhões de euros que já tinham somado em 2009. Mas os nossos banqueiros conseguiram também pagar menos impostos: uma poupança de 168 milhões. Rima na perfeição com a austeridade que o regime impôs a quase todos os outros, cidadãos ou empresas: mais impostos e menos dinheiro no bolso ou em caixa."

Rafael Barbosa, in JN

Sem comentários:

Enviar um comentário

Interessante explicação acerca de moral e ética