domingo, 18 de abril de 2010

Quem diria!


Quem diria que um vulcão que decidiu acordar na longínqua e gélida Islândia iria parar toda a Europa! São milhares de voos suspensos e milhões de pessoas retidas nos aeroportos longe de casa, por uma nuvem que tolda os céus e impede os aviões de voarem.

Parecia que regressámos ao período antes da aviação e à época de ouro dos comboios, tal foi a procura deste meio alternativo e de autocarros, que teve o condão de acordar as pessoas para as distâncias e o tempo gasto para as percorrer.

Até o nosso presidente da República, de visita à República Checa, se viu compelido a viajar mais de uma dezena de horas, de autocarro, até ao sul de Itália, para daí poder voar até Lisboa.
Bom, mas nem tudo o que é mau dura sempre, pois se as primeiras notícias anteviam semanas, senão meses de paralisação dos aeroportos, dizem agora que já se estará a dissipar, a esfumar ou a desaparecer, tal qual gripe A. Ainda bem.

5 comentários:

  1. Pois é meu caro Manoel Afonso, Se não bastasse o terremoto no Haiti, no chile, na China, as chuvas com desmoronamento no rio, as enchentes em Santa Catarina e muitas outras coisas que acontecem trazendo prejuiso financeiro e também perdas de vidas humanas no nosso planeta, agora este vulcão resolve acordar. Onde vai parar este nosso planeta ou melhor o que mais vai ter que acontecer para nós de maneira geral começarmos a nos preocupar com o nosso meio ambiente. Ainda da tempo para fazermos nossa parte. Eu sei que você é um defensor da nosso meio ambiente, mas estou falando dos nossos governantes e outras organizações acordarem para este fato. Abraços

    ResponderEliminar
  2. E li, num blog de uma bióloga amiga, que o nome desse vulcão que está fazendo vários estragos, é bem complicado...hehe...mas ainda bem que tudo vai voltar ao normal. Um grande abraço, boa semana, :)

    ResponderEliminar
  3. http://www.eco-gama.blogspot.com

    Este é o projecto que anda a decorrer na minha escola. Precisamos de seguidores, de dinamizá-lo ainda mais. Se puderes apenas segui-lo, agradecíamos imenso! =)

    ResponderEliminar
  4. Oi Manuel,

    Até pouco tempo atrás no Brasil, não havia tornado, furacão, tufão ou algo parecido. Hodierno, já há ventos de pouco mais de 120Km/h. No entanto, denominam tão somente de ventos fortes, apesar da presença de redemoinhos gigantes. Parece piada, enfim.

    Não haviam enchentes constantes e cada vez mais devastadoras do que hoje. Desmoronamentos, então...

    No Brasil, pode até não nevar, mas as geadas já estão enchendo as calçadas da Região Sul do país, com gelos que preenchem uns 20 cm acima do solo.

    Dizem que não há terremotos, mas os abalos estão cada vez maior na escala Richter, por volta de até 5.º.

    Portanto, se no Brasil nevar, se ocorrer um tsunami, um furação (este, para mim, já passou a ocorrer de uns anos para cá), até vou compreender, mas agora..., um VULCÃO...!! Bom, primeiro que não temos montanhas... Só morros e alguns picos elevados que não condizem nem com os desafios dos escaladores.

    Bom, ao menos eu creio que desse mal estamos isentos...rs Vai saber..., depois de todas essas intempéries que passaram a existir...!!Rs

    Beijos,

    ResponderEliminar

Interessante explicação acerca de moral e ética