quinta-feira, 30 de setembro de 2010


Car Part Art by James Corbett
A Arte de James Corbett reciclando peças de automóvel

Intolerâncias

3 ans de prison requis pour 2 chrétiens non jeûneurs

Na Argélia, o procurador de Ain el Hammam pediu três anos de prisão para dois cristãos que não observaram o jejum do Ramadão.

E se fosse por cá (Europa) e ao contrário?

Por cá, aposto que a Comissão Europeia reunia com o Parlamento Europeu e todos os ministros dos negócios estrangeiros dos países da CE, em uníssono, bradariam contra a intolerância religiosa, condenando por todas as formas e em tudo o que fosse mass media o dislate desse país ocidental (e bem).

Por lá, em todos os países muçulmanos, haveriam manifestações tumultuosas queimando a bandeira americana e a da Comunidade Europeia, ameaças de intifada e retaliação.
Seria...

domingo, 26 de setembro de 2010

RTP, instância de recurso!

Agora que a Assembleia tem poderes constituintes, não são só as propostas do PSD de alteração da Constituição (CRP), que fazem furor, há outras...
"Após presenças sucessivas de Duarte Lima, Carlos Queiroz, Carlos Cruz e novamente Carlos Queiroz a porem as suas teses argumentativas junto de Judite de Sousa, os deputados decidiram alterar o equilíbrio de poderes na próxima revisão constitucional e dotar a Justiça portuguesa de mais uma instância de recurso: a RTP.

Assim, entre a condenação em tribunal de 1ª instância e o recurso ao tribunal de 2ª instância, os arguidos poderão recorrer ao novo tribunal de 1,5ª instância, presidido pelo colectivo de juízes formado pela meritíssima jornalista conselheira Judite de Sousa e pela excelentíssima meritíssima jornalista conselheira Fátima Campos Ferreira.
Para que a equidade judicial fique assegurada, todos os portugueses que não tenham direito a recorrerem ao tribunal de 1,5ª instância, por manifesta falta de notoriedade, poderão sempre recorrer aos fóruns da TSF e da SIC Notícias ou ao espaço reservado às cartas dos leitores no "Correio da Manhã". " Vitor Elias

terça-feira, 21 de setembro de 2010


Ironia de M.A.Pina

Os novos pobres
"A crise quando chega toca a todos, e eu já não sei se hei-de ter pena dos milhares de homens e mulheres que, por esse país, fora, todos os dias ficam sem emprego (ou vivem de uma mísera prestação social), se dos infelizes gestores do Banco Comercial Português que, por iniciativa de alguns accionistas, poderão vir a ter o seu ganha-pão drasticamente reduzido em 50%.

A triste notícia vem no DN: o presidente do Conselho Geral e de Supervisão daquele banco arrisca-se a deixar de cobrar 90 000 euros por cada reunião a que se digna estar presente e passar a receber só 45 000; por sua vez, o vice-presidente, que ganha 290 000 anuais, poderá ter que contentar-se com 145 000; e os nove vogais verão o seu salário de miséria (150 000 euros, fora as alcavalas) reduzido a 25% do do presidente.

Ou seja, o BCP prepara-se para gerar 11 novos pobres, aconselhando a prudência que o Banco Alimentar contra a Fome comece a reforçar os "stocks" de caviar e Veuve Clicquot, pois esta gente está habituada a comer bem.”

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Justiça Alemã


Tribunal julga pai de aluno homicida.
Relembrando:
a 11 de Março do ano passado, Tim Kretschmer, disparou indiscriminadamente, na sua escola, na cidade alemã de Winnenden, matando 15 pessoas com uma arma do pai, entre alunos e professores.

Na altura com 17 anos, Tim não respondeu pelos actos porque se suicidou quando se viu cercado pela polícia.

O progenitor Joerg Kretschmer, sentou-se ontem no banco dos réus.

Vai responder por ter possibilitado, por negligência, que o filho cometesse o massacre na Escola Secundária de Albertville, visto que as armas e as munições estavam num lugar de fácil acesso.
Se for condenado, para poderá ter de cumprir pena de prisão e pagar indemnizações às famílias das vítimas.

É verdade que o mocinho, com aquela idade, saberia os meios para aceder à arma que existisse lá em casa, mas ... também é verdade que se estava num lugar de fácil acesso!...

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Vão sendo horas!


Vão sendo horas da sentença chegar às mãos dos arguidos.

Será que a contenção foi tão longe que já não há “graveto” para o papel? Para os tinteiros ou impressora? Ou é do PC que tem 10 anos e bloqueou?

Chamem o sr. Ministro da justiça ou os seus secretários de Estado! Chamem o sr. Director-geral da Administração da Justiça! Chamem o sr. Presidente do Instituto das Tecnologias e Informatização Judiciária! Um deles é capaz de se lembrar de ajudar.

Agora, se for mesmo coisa que só um técnico resolva, então chamem de Coimbra os da Critical Software que até trabalham para a Nasa. E se estes estiverem ocupados, em apenas 8 horas, a Microsoft põe cá uns dos States.

Se ainda assim não resultar, então peguem na velha máquina de escrever, ou na esferográfica e toca a redigi-la.

Mas por favor, entreguem sentença aos arguidos.

quinta-feira, 9 de setembro de 2010


Vi sexta-feira, na abertura do Douro Film Harvest, a antestreia da produção moçambicana baseada no livro de Mia Couto "O último voo do flamingo", com a prévia apresentação do realizador João Ribeiro, do produtor, Luís Galvão Teles e da atriz “Temporina”.

A longa metragem, já apresentada em Cannes, procura realçar a linguagem peculiar, muito poética e rica de Mia Couto, girando em torno das crenças e costumes de Moçambique.

Se me perguntassem a minha opinião, diria simplesmente, como disse o próprio Mia Couto quando questionado: Gosto.

quarta-feira, 8 de setembro de 2010


Outrora, os códigos eram compêndios legislativos duradouros. A segurança e certeza jurídica residia na sedimentação social das normas, com especial relevância para as de índole penal ou criminal.

Muita coisa entretanto mudou.

Só nesta semana, em dois dias consecutivos, procedeu-se as duas alterações ao Código Penal!
.
Como é possível tanta pressa e tanta incompetência!

E logo hoje que se fala muito de justiça, injustiça ou má justiça.

Diário da República, 1.ª série — N.º 171 — 2 de Setembro de 2010
Lei n.º 32/2010
de 2 de Setembro
Procede à 25.ª alteração ao Código Penal


“Diário da República, 1.ª série — N.º 172 — 3 de Setembro de 2010
Lei n.º 40/2010
de 3 de Setembro
Segunda alteração à Lei n.º 115/2009, de 12 de Outubro,
que aprova o Código da Execução das Penas e Medidas
Privativas da Liberdade e 26.ª alteração ao Código Penal”.

terça-feira, 7 de setembro de 2010

Sabedoria popular nm azulejo na cidade de Toledo, Espanha

quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Se depois da tempestade vem a bonança, também este caos económico e social
não durará sempre. Haja esperança.

Interessante explicação acerca de moral e ética