domingo, 31 de janeiro de 2010

"Ser amigo é entender o silêncio, a ternura e o mistério."
Ely M. Becker

quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

poupança ambiental

Condução ecológica
O Instituto da Mobilidade e Transportes Terrestres veio dizer que a eco-condução, baseada em práticas económicas e ambientalmente sustentáveis, como conduzir a uma velocidade constante, respeitar os limites de velocidade, desligar o motor numa paragem mais prolongada ou usar a relação de caixa de velocidades mais alta possível, ainda não está interiorizada pelos condutores.

Pois é, as obrigações ambientais tendem a crescer, já não chegando a opção pelo transporte público, por isso, se vai no seu 4 rodas, então retire o pé do acelerador, convide os vizinhos para o lotar e, sempre, mande às malvas os carrões, escolha veículos pequenos, tipo bolinhas e, claro, utilizando as energias limpas.

domingo, 24 de janeiro de 2010

A febre legislativa





Leis mal feitas custam 7,5 mil milhões ao País

Uma técnica da presidência do Conselho de Ministros num colóquio no Parlamento afirmou que a má qualidade das leis em Portugal custa 7,5 mil milhões de euros ao país.
Este valor é próximo da metade do défice do subsector do Estado.
aeiou.expresso.pt/a-primeira-pagina-do-expresso

quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

The world's best places to retire

Equador é o melhor país do mundo para gozar a reforma. Surge como um dos últimos tesouros secretos do continente americano. Para viver uma reforma tranquila, neste país, são necessários 17 mil dólares por ano.

A revista ‘Internacional Living' construiu um índice que analisa um conjunto de parâmetros essenciais para garantir o bem-estar na terceira idade, entre estes, estão os preços das casas, os benefícios dados aos aposentados, a oferta cultural, o nível de cuidados de saúde prestados, o clima e as infra-estruturas.

O índice de 2009 teve em conta um ‘ranking' de 29 países e ficou assim definida:

Posição País Classificação
1 Equador 79
2 Mexico 78
3 Panamá 77
4 Uruguai 75
5 Itália 73
6 França 72
7 Brasil 71
8 Argentina 71
9 Costa Rica 70
10 Austrália 70
20 Portugal 65

http://articles.moneycentral.msn.com/RetirementandWills/RetireInStyle/the-worlds-best-places-to-retire.

terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Louvor

Dois Despachos do mesmo dia e com efeitos espaçados de 4 dias:
No primeiro, de dia 26 nomeia secretária, no segundo Despacho, de dia 30, exonera-a, a pedido dela, e louva-se o seu desempenho.

"Escandaloso.
Não acho. Pois se a senhora em causa (durante a semanita de 26 a 30 Out 09) foi «extremamente leal, competente e dedicada», e se ainda conseguiu gerir o seu - escasso - tempo para mostrar «excelentes qualidades pessoais e profissionais», porque é que isso não há-de constar no Diário da República?! "
Será que o Bloco apunhalou, à falsa fé, o candidato Manuel Alegre, ao ser o primeiro, e para já o único, a vir publicamente manisfestar o apoio? E, nesse caso, fê-lo de forma dolosa ou negligente ou nem uma coisa nem outra?
Pelo menos, parece pacífico, que colocou o PS temporariamente contra as cordas, a correr contra o relógio e a falarem a várias vozes. E, nesse caso, a guerra não era com o candidato? À espera do próximo capítulo.

domingo, 17 de janeiro de 2010

Conversando com Torga



Obra de Torga responde a perguntas!

Miguel Torga nunca deu autógrafos, nem entrevistas. Um dia disse: "Se algum jornalista tiver interesse em entrevistar-me, há uma fórmula para o fazer com o meu consentimento e aprovação. Elabore as perguntas e procure as respostas na minha obra".

O desafio foi aceite, pouco antes da morte do autor, que deu a sua aprovação ao trabalho final, do qual se publica parte.

Jornal de Notícias - A sua pátria é, realmente, Portugal ou a língua portuguesa?

Miguel Torga ("Diário X", Coimbra, 14 de Novembro de 1966)
A língua é uma pátria. A pátria dum escritor, pelo menos. Que são os Lusíadas senão um território idiomático, heroicamente conquistado às trevas da nudez, um espaço vital de expressão que o próprio verbo agenceia, baliza e preserva?

JN - Em que momentos achou, durante o ano posterior à revolução de 25 de Abril de 1974, que ela valeu a pena?

MT ("Diário XII", Coimbra, 25 de Abril de 1975)
Eleições sérias, finalmente. E foi nestes cinquenta anos de exílio na pátria a maior consolação cívica que tive. Era comovedor ver a convicção, a compostura, o aprumo, a dignidade assumida pela multidão de eleitores a caminhar para as urnas, cada qual compenetrado de ser portador de uma riqueza preciosa e vulnerável: o seu voto, a sua opinião, a sua determinação.

JN - Reserva a frontalidade para os amigos ou ela faz parte do convívio diário com conhecidos e inimigos declarados?

MT ("Diário IV", Porto, 10 de Outubro de 1949)
Creio que a vida não tem sombra de interesse, concebida e vivida em termos de mentira e de conveniência.

JN - Que relação mantém e quer deixar viva com os seus leitores?

MT ("Antologia Poética")
Querido leitor, gostaria de conversar contigo alguns momentos no pórtico desta antologia. Para já, quero que saibas que hesitei muito antes de me decidir a organizá-la. Nem sempre um autor é bom juiz em causa própria. Não raro dá preferência afectiva aos frutos das suas horas menos felizes. …/… Tu dirás de tua justiça, com a objectividade de quem observa o jogo de fora.
LICÍNIA GIRÃO, Jornal de Notícias

A coisa parece séria!



O Governo da Alemanha emitiu um aviso de segurança em relação ao navegador Internet Explorer (IE), aconselhando os internautas a usarem outro programa alternativo. O aviso surgiu depois da Microsoft ter admitido que os recentes ataques aos sistemas da Google se deveram a falhas no IE. Em causa estão as versões do IE 6, 7 e 8. IOL , que poderiam, contudo ser evitadas com o modo de segurança do browser para «alta» .

sábado, 16 de janeiro de 2010


O abandono dos jovens!

Os Centros Educativos estão sobrelotados e falta apoio psicológico e seguimento de jovens deliquentes
15.01.2010 - Lusa

"Os centros educativos, que acompanham 190 jovens delinquentes, estão sobrelotados, carecem de apoio psicológico e não acompanham os menores após a sua passagem por estes estabelecimentos. A sobrelotação que é desencadeador de outros problemas, é preocupante desde que no ano passado fecharam cinco dos 11 estabelecimentos.

A Comissão - composta por representantes da Assembleia da República, Governo, Conselho Superior do Ministério Público, Conselho Superior da Magistratura e de organizações não governamentais de apoio à criança - está igualmente preocupada com a ”falta de apoio psicológico e psiquiátrico”.

O Secretário de Estado da Justiça, João Correia , em declarações à Lusa, admitiu que "o cenário [dos centros educativos] é negro". "
In Público, 15/01

Bom, que dizer? Sempre acompanham as prisões dos adultos que já há muito estão superlotadas! E também não há Reinserção que lhes valha!

quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

Neve em Lamego

Batem leve, levemente,
como quem chama por mim...
Será chuva? Será gente?
Gente não é, certamente
e a chuva não bate assim...

É talvez a ventania;
mas há pouco, há poucochinho,
nem uma agulha bulia
na quieta melancolia
dos pinheiros do caminho...

Quem bate, assim, levemente,
com tão estranha leveza,
que mal se ouve, mal se sente?
Não é chuva, nem é gente,
nem é vento, com certeza.

Fui ver. A neve caía
do azul cinzento do céu,
branca e leve, branca e fria...
Há quanto tempo a não via!
E que saudade, Deus meu!
(...)
Augusto Gil - Luar de Janeiro, 1909
Fotografia de António Alfredo Lourenço, em http://br.olhares.com/neve_em_lamego_foto2628718.html

Passeios virtuais


Explorar cidades, monumentos e edifícios famosos, museus, universidades e até mesmo o espaço, é possível aqui

Fugitivo do Facebook volta à prisão - MM 14/01/2010 - 07:16

"A polícia britânica anunciou ter capturado, em Londres, um criminoso conhecido como o "fugitivo do Facebook" porque desde que fugiu da prisão, em Setembro passado, gozava as autoridades através da popular rede social.

Craig "Lazie" Lynch, de 28 anos, tornou-se uma personagem de culto no Facebook, o­nde acumula milhares de amigos, depois de ter fugido da prisão, o­nde cumpria uma pena de prisão de sete anos, por roubo. No Natal, colocou fotos no Facebook em que posava com um peru e deixou a mensagem: "Feliz Natal. Eu consegui (fugir)".

domingo, 10 de janeiro de 2010

Aquele abraço!


Mário Nogueira e Isabel Alçada queriam tanto chegar a um acordo, que conseguiram!

A Fenprof e outros sindicatos do sector, assinaram com o Ministério da Educação o acordo de revisão do Estatuto da Carreira Docente e da Avaliação dos Professores.
A seguir, muitos farão as contas do deve e haver para concluir que uns ganharam e outros perderam, sempre comparando com o que havia antes (melhor, ainda há até à publicação das alterações, em forma de lei) e este acordo vai substituir. Nessa altura, saberão se foram bem representados ou se o mandatário excedeu o mandato que lhe confiaram.

Again

Prisão preventiva e segredo de justiça vão sofrer alterações
Económico com Lusa
10/01/10 08:35

------------------------------------------------------------------------------------------------

O Conselho Consultivo da Justiça analisa propostas de alteração à reforma penal ligadas ao segredo de Justiça, prazos do inquérito, prisão preventiva, detenção e processo sumário.
"A alegria adquire-se. É uma atitude de coragem. Ser alegre não é fácil, é um acto de vontade." Gaston Courtois

quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

Liberdade de opinião

É da essência da democracia a exaltação da Liberdade de expressão.

Mas será ela extensível a todos? Aos deputados da nação e no seu exercício?

A questão coloca-se hoje com particular acuidade na dicotomia, disciplina partidária versus liberdade de voto.

Logo à partida, somos levados a crer que será precisamente na Assembleia da República, "casa da democracia", onde a liberdade de opinião terá o seu expoente máximo. Aliás, é a própria lei que concede aos deputados amplas prerrogativas para o exercício da sua actividade e da retórica em total liberdade de opinião.

Porém, não é assim que sempre sucede, porventura, poucas vezes assim acontecerá.

Ainda perceberíamos, sem esforço de maior, que existem matérias, de natureza económica e financeira, de cariz técnico ou até enformadoras de um programa partidário ou de governo, de cumprimento de promessas eleitorais, etc., que exigem concertação e unanimidade obrigatória do grupo parlamentar.

Agora, decididamente, já não concebemos que em matérias de consciência moral, de ética, de costumes consuetudinários e de civilização, o deputado não tenha absoluta liberdade de opinião e de a poder expressar através do seu voto.

Só nos resta constatar que, se a liberdade de expressão, como dissemos no início, é um direito basilar da democracia, também é certo que o controle do voto ali exponenciado, é uma das formas sempre tentadas de subverter aquele princípio.

Interessante explicação acerca de moral e ética